Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Brasão

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso


Rádio Assembleia

A Rádio Assembleia Legislativa de Mato Grosso integra um projeto pioneiro no Brasil. Trata-se da primeira operação da Rede Legislativa de Rádio, uma parceria da Câmara Federal em Brasília com Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais. Em março de 2015, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha e o presidente da Assembleia, deputado Guilherme Maluf, assinaram um termo de cooperação técnica entre a câmara dos Deputados e o Poder Legislativo de Mato Grosso para implantação da Rádio Assembleia. Pe lo acordo, os equipamentos de transmissão foram licitados e doados pela Câmara dos Deputados em um investimento de mais de R$ 1 milhão. Para a transmissão do sinal da Rádio Assembléia foram cedidos um transmissor de 10.000 Watts, antena, receptor, modulado res, entre outros. Em contrapartida, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso forneceu a torre de transmissão, estúdios, profissionais da área técnica e jornalistas e equipamentos para inserção de programação local. A Rádio Assembleia pode ser ouvida na baixada cuiabana pela frequência 89,5 FM e pela internet no endereço: http://radio.al.mt.gov.br


Programas

Acorda Mato Grosso

Veja Mais

Balaio Brasil

Veja Mais

Cozinha da MPB

Veja Mais

Drops de Cerrado

Veja Mais

Especial Cuiabá 300 Anos

Veja Mais

Ficha Técnica

Veja Mais

Fusão[ponto]com

Veja Mais

Quintal do Samba

Veja Mais

Sala de Rock

Veja Mais

Sons de Mato Grosso

Veja Mais

Vanguarda

Veja Mais

Ao Vivo


Rádio Assembleia

Programação


Destaques


10/10/2019 22h34 Áudio

Ficha Técnica: O tempo não para - Cazuza

E O TEMPO PAROU -- Desde que nascemos, iniciamos uma caminhada que, por mais que a gente tente negar, vai acabar igual para todo mundo. A verdade é que a morte é a nossa linha de chegada, por mais que o assunto seja evitado e chegue a gerar constrangimentos. Mas até que a nossa caminhada por aqui seja encerrada, muita água ainda vai passar embaixo da ponte. E a parte boa nisso tudo é que a vida não tem roteiro, não tem mapa e, às vezes, parece que ela faz questão nos pregar algumas peças. Em sua famosa canção, o poeta Cazuza nos lembra que o tempo não para. De fato, o tempo parece mesmo um trem, que não tem destino definido e segue sem parar jamais. No entanto, é preciso estar atento a tudo aquilo que nos tira do automático e provoca a sensação de que o tempo realmente parou. Existem lugares que causam esse tipo de percepção, mas as pessoas são as grandes especialistas nisso. Fique atento a essas pessoas! Eu aposto que isso já aconteceu com você. Pode ter sido em um parque, restaurante, no trabalho, na fila do mercado ou do banco, na sua própria casa. Se você encontrar alguém e sentir como se o tempo tivesse parado, fique atento! A vida realmente vai passar rápido e você não sabe quando vai ter a oportunidade de sentir isso novamente. São nesses encontros, nesses momentos de pausa, que esquecemos realmente que somos meros mortais, fadados a acabar, uma hora ou outra. Desde que nascemos, somos presenteados com caminhos que se interligam, histórias que se cruzam, vidas que se tocam. Sempre que puder, pergunte a si mesmo qual a diferença que uma pessoa faz na tua vida, o quanto ela acrescenta, que sensações provoca e como você agiria se ela simplesmente desaparecesse e não estivesse mais por perto. A ideia é simples: não se perca de você e não se perca de quem é importante pra você. O trem realmente não vai parar, mas os momentos podem ser mais agradáveis quando compartilhados com quem te convida a olhar pela janela, observar os pássaros, acompanhar o movimento do sol ou simplesmente abrir a janela para deixar o vento bater no rosto. Nesses momentos você vai realmente compreender que o tempo parou.


Veja mais