Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Brasão

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso


Quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 18h21


NESTA SEGUNDA-FEIRA

ALMT realiza audiência pública para apresentar dados dos cinco meses de funcionamento do Complexo Salgadeira

O complexo foi reaberto no dia 30 de junho deste ano

ABDALLA AZO ZAROUR / Gabinete do Deputado Wilson Santos



Foto: Ronaldo Mazza / Secretaria de Comunicação Social

A Assembleia Legislativa realiza audiência pública, a pedido do deputado estadual Wilson Santos (PSDB), nesta segunda-feira (10), no auditório Deputado Milton Figueiredo, na ALMT, às 14 horas, para apresentar uma prestação de contas dos cinco meses de funcionamento do Complexo do Terminal Turístico da Salgadeira – Ramis Bucair – e apresentação dos projetos arquitetônico e geológico do futuro Complexo Turístico do Portão do Paraíso, conhecido hoje como Portão do Inferno.

O Complexo Turístico da Salgadeira – Ramis Bucair, tradicional ponto turístico localizado na rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), em Cuiabá, foi reaberto no dia 30 de junho deste ano. O local passou por reforma após um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), firmado entre o governo de Mato Grosso e o Ministério Público Estadual, com homologação do Poder Judiciário em 2017.

Por meio das secretarias das Cidades, sob o comando do então secretário Wilson Santos, Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Sedec) - adjunta de Turismo, o investimento foi de R$ 12,6 milhões.

De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, a reinauguração do Complexo da Salgadeira envolveu um estudo econômico, cultural e ambiental. O levantamento levou em consideração o carinho da população pelo local, que é considerado um dos principais pontos turísticos do estado.

De acordo com o governo do estado, o projeto da nova Salgadeira conta com a construção de uma estação de tratamento de esgoto, 24 postes de oito metros de altura, com lâmpadas de LED movidas a energia solar, e a implantação de 540 metros de trilhas metálicas, para evitar depredação.

Ainda segundo o governo estadual, o local tem mirantes, rampas e portas que permitem acesso de pessoas com deficiência. Além de estacionamento com 100 vagas para veículos, sendo cinco para ônibus, 84 para carros e 10 reservadas ao administrativo do complexo. A entrada  é gratuíta para banhistas e visitantes, mas somente é permitida o uso do local para banho para 45 pessoas simultaneamente.

Para esta audiência pública foram convidados os deputados estaduais, prefeito e vereadores de Cuiabá, prefeita e veredores de Chapada dos Guimarães, membros do governo do estado, Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste  (Sudeco), Instituições de ensino, representantes municipais de Turismo, Conselhos Municipais de Turismo, Sistema S, Associação Mato-grossense dos Municípios com Potencial Turístico em Mato Grosso (Amptur), representantes do Fórum Estadual de Turismo, Associação Brasileira de Agência de Viagens de Mato Grosso (Abav), Associação Brasileira dos Bacharéis em Turismo (ABBTur), X - Associação Brasileira dos Clubes da Melhor Idade (ABCMI-MT) , Associação Brasileira das Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura (Abeta-MT), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (Abla), Associação Brasileira dos Jornalistas de Turismo (Abrajet), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-MT),  Associação das Empresas do Transporte Turístico e Alternativo Intermunicipal de Passageiros do Estado de Mato Grosso (Attai-MT), Business Profesional Women (BPW), Fundação Pantanal Convention and Visitor Bureau, Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro e Similares, Sindicato Intermunicipal de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares, Sindicato das Empresas de Turismo do Estado de Mato Grosso (Sindetur), Sindicato dos Guias de Turismo de Mato Grosso (Singtur), empresários do Turismo de Mato Grosso e demais convidados.


Gabinete do Deputado Wilson Santos

Telefone: (65) 3313-6358